Ó PESSOAL...

...Visitem-se uns aos outros...cliquem nos cartões e conheçam os outros sócios.
Não deixem também de ver as publicações anteriores. Há sempre coisas interessantes que por vezes nos passam ao lado...

terça-feira, 8 de julho de 2008

Violência Juvenil - Tolerância Zero

O Procurador-Geral da República (PGR), Pinto Monteiro, sustentou este sábado que “ninguém está acima da lei” e que “em Portugal tem de se perceber que todas as pessoas (que cometem ilícitos) têm de ser punidas e os menores também”.

Para os menores, “existe um Tribunal que não tem um sentido de punição, mas mais de formação para isso mesmo”, argumentou o PGR, no final do Seminário sobre Corrupção, que decorreu em Viseu, defendendo que “também os pais devem ser responsabilizados”. Pinto Monteiro deu como exemplo o caso de “um aluno que risca o carro a um professor ou parte uma montra, os pais podem ser condenados a pagar uma indemnização”.

A pena pode até servir de lição para os pais, que “se souberem disso talvez tenham, por vezes, mais cuidado com os filhos”, acrescentou.

Para o PGR, o fenómeno da delinquência civil “tem tendência a aumentar”, daí que a investigação sobre crianças e idosos seja uma das suas prioridades. Pinto Monteiro considerou ainda “lamentável” o caso da Madeira, em que seis jovens, entre os 12 e os 16 anos, agrediram idosos e crianças no Funchal, filmando as agressões e colocando os vídeos na Internet.

retirado do Correio da Manhã

www.titofarpas.blogspot.com